lifting

Tecnicamente conhecida como ritidoplastia ou lifting facial, a cirurgia da face é um procedimento cirúrgico que visa melhorar os sinais visíveis do envelhecimento no rosto e no pescoço tais como: flacidez; rugas profundas; perda de tônus muscular e excesso de depósitos de gordura. Outros procedimentos de rejuvenescimento podem ser executados juntamente com o lifting facial, como a cirurgia das pálpebras, elevação dos supercílios, lipoenxertias, dermoabrasão, entre outros.

Tratamentos não cirúrgicos de rejuvenescimento facial não proporcionam os mesmos resultados que o lifting facial, mas podem ajudar a retardar o momento em que este torna-se necessário, além de complementar os resultados da cirurgia. Vários procedimentos podem ser utilizados para estes fins como técnicas de peeling, preenchimentos, toxina botulínica, dermoabrasão ou laser de CO2. 

A incisão do lifting facial tradicional começa no couro cabeludo na região temporal, continua em torno da orelha e termina na parte inferior do couro cabeludo. Os tecidos profundos são reposicionados e o excesso de pele ressecado.

Quando o procedimento for finalizado, uma bandagem pode ser colocada delicadamente em torno de seu rosto para minimizar o inchaço e os hematomas. Um dreno pode ser temporariamente colocado sob a pele para drenar qualquer excesso de sangue e de fluidos que possam acumular.

Assim como qualquer procedimento cirúrgico, o facelifting também está sujeito a eventuais complicações, mesmo que infrequentes. Podemos destacar: cicatrizes desfavoráveis; sangramento; hematoma; acúmulo de líquido (seroma); má cicatrização; necrose da pele; alterações de sensibilidade da pele; assimetrias; despigmentação da pele e/ou inchaço prolongado; perdade de cabelo no local das incisões (alopécia); danos em estruturas mais profundas tais como nervos, vasos sanguíneos e músculos; dor, que pode perdurar e a possibilidade de novo procedimento cirúrgico (retoque).

Os resultados do facelift aparecem com a diminuição do inchaço e dos hematomas. Uma vez cicatrizada, as linhas de incisão do lifting ficam bem escondidas no couro cabeludo e nos contornos naturais do rosto e do ouvido. Um estilo de vida saudável ajuda a prolongar os resultados obtidos com a cirurgia, dando-lhe aparência mais rejuvenescida. O resultado final não só restaura a aparência, deixando-a mais jovem e descansada, mas, também, pode ajudar na recuperação da autoestima.

 

FONTE PRINCIPAL: http://www2.cirurgiaplastica.org.br/cirurgias-e-procedimentos/face/lifting-facial/