mamoplastiaredutora

A redução da mama, também conhecida como mamoplastia redutora, remove o excesso de gordura, de tecido glandular e de pele para atingir um tamanho de mama proporcional com o seu corpo e aliviar o desconforto associado com seios muito grandes.

Mamas excessivamente grandes podem causar, em algumas mulheres, problemas emocionais e de saúde. O peso do tecido mamário em excesso pode prejudicar sua capacidade de levar uma vida ativa, além de poder causar desconforto e dor. Os problemas emocionais associados a seios grandes podem ocasionar distorções na autoimagem e distúrbios na autoestima das pacientes.

O procedimento pode ser realizado em qualquer idade, mas, apresenta melhor resultado quando os seios estão totalmente desenvolvidos. A capacidade de amamentar após a mamoplastia redutora pode ser de alguma forma prejudicada. Mudanças nos seios, durante a gravidez, podem alterar os resultados da cirurgia, assim como oscilações significativas de peso.

A técnica usada para reduzir o tamanho de seus seios será determinada por suas particularidades anatômicas, composição da mama, quantidade de redução desejada, suas preferências pessoais e aconselhamento do cirurgião.

As opções anestésicas para o procedimento incluem a anestesia geral e o bloqueio intercostal associado a sedação. Seu médico irá recomendar a melhor opção para você.

Existem muitas técnicas para realizar a mamoplastia redutora, variando com o tipo de incisão adotada na mama. As principais opções de incisão incluem: padrão circular em torno da aréola associado a extensão vertical, em L ou em T invertido.

A mamoplastia redutora é uma cirurgia muito segura e com índices baixos de complicações. Quando presentes, podemos destacar: cicatriz desfavorável, infecção, alterações de sensibilidade no mamilo ou na mama, sangramento, hematoma, má cicatrização, contorno e forma da mama irregulares, inchaço prolongado, acúmulo de líquido (seroma), necroses, dor e a possibilidade de novo procedimento cirúrgico (retoque).

Os resultados da cirurgia de redução de mama são rapidamente visíveis. Com o tempo, o inchaço diminui e após alguns meses obteremos o resultado final do procedimento. O novo tamanho da mama ajudará a aliviar a dor e as limitações físicas existentes previamente à cirurgia. A mama mais proporcional poderá melhorar sua autoestima e autoconfiança. No entanto, ao longo do tempo, seus seios podem mudar devido ao envelhecimento, às oscilações de peso, aos fatores hormonais e à gravidade.

 

FONTE PRINCIPAL: http://www2.cirurgiaplastica.org.br/cirurgias-e-procedimentos/mama/mamoplastia-redutora/